O que é Fator de Recuperação ou Recovery Factor

Fator de recuperação ou em inglês (recovery factor) O fator de recuperação é o procedimento que indica a porcentagem do volume de petróleo que foi extraído de um reservatório ou poço em relação ao volume total nele existente.

Se o fator de recuperação acusar baixos níveis de petróleo o poço é abandonado para evitar grandes gastos em vão, o fator de recuperação podem mostrar os reais níveis de petróleo disponíveis no poço, isso pode ser um problema, quanto uma oportunidade de negócios.

Problemas do fator de recuperação

Os baixos fatores de recuperação brasileiros podem ser interpretados tanto como um problema, quanto como uma oportunidade de negócios. Caso os níveis de petróleo do poço sejam baixos ele é abandonado para evitar gastos.

O abandono de poços de petróleo é realizado quando não existe interesse na area futura e promove o fechamento permanente do poço.

Quando isso ocorre a desativação das áreas e todo o equipamento submarino, dutos, e facilidades de produção são removidos.

O abandono dos poços geralmente causam danos a area que já foi perfurada que geralmente são esquecidos e abandonados sem qualquer reparo.

Diferentes fatores de recuperação

Existem diferentes fatores de recuperação e formas de mensurar e definir estas recuperações:

Primeira forma de fazer os fatores de recuperação:

A produção do reservatório vem de uma série de mecanismos naturais. Estes incluem: água natural deslocando óleo para cima, para o poço, a expansão do gás natural na parte superior do reservatório, a expansão do gás inicialmente dissolvido no petróleo bruto, e de drenagem por gravidade resultante da circulação de óleo no alto do reservatório para as partes baixas onde estão localizados os poços.

Segunda forma de fazer os fatores de recuperação:

Durante o tempo de operação do poço a pressão vai diminuir, e em algum momento vai existir uma grande pressão subterrânea insuficiente para forçar o óleo à superfície. Depois da produção natural do reservatório diminuir, métodos de recuperação secundária são aplicados.

Eles contam com o fornecimento de energia externa para o reservatório na forma de injeção de fluidos para aumentar a pressão do reservatório, portanto, substituir e/ou aumentar o impulsor natural do reservatório com um meio artificial. Às vezes, as bombas, como bombas cabeça de cavalo e bombas elétricas submersíveis, são usadas para trazer o petróleo para a superfície.

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.